Flores

Há séculos o ser humano presenteia com flores. Apesar de ser um hábito antigo, muito se perdeu ao longo das gerações. 

Por conta de um mercado que procura oferecer a flor com o melhor custo + longa durabilidade, inúmeras espécies foram ignoradas. Aqui no atelier procuramos as flores mais diferentes, que nunca vimos antes. E depois de alguns anos fazendo isso, passamos a procurar as que já conheciamos com outro olhar. 

FLO atelier botânico buquê de flores

Hoje misturamos rosas de jardim com flores silvestres, exóticas, capins, frutas e o que de mais curioso estiver disponível na época. O resultado final é surpreendentemente harmônico e único.

CUIDADOS

Assim que chegar em casa, corte as pontas de todas as hastes na diagonal e coloque em água fresca. Por que esse ritual é de extrema importância para a durabilidade das suas flores? Explicando de forma simples, a haste da flor é como se fosse um canudo. Quando retiramos as flores da água, independente do motivo, os poros desse "canudo" vão se fechando e assim as flores não conseguirão absorver a quantidade máxima de água. Fazendo um corte novo na diagonal, cria-se uma maior área de sucção para os poros hidratarem a flor. 

Comprou/ganhou um buquê? Atenção à sua amarração. O ideal é não soltar completamente o barbante, caso contrário o design floral se perderá.

FLO atelier botânico flores

Além de trocar a água a cada 2 dias, ou quando ficar turva, observe se existe alguma folha abaixo da linha da água. Isso não deve acontecer. Porque? A folha em contato com a água irá causar um aumento de bactérias. Além de produzir mau cheiro, elas entopem os poros daquele "canudo" que conversamos. Ou seja: evite! 

Uma última recomendação. Ao contrário das plantas que estão plantadas e que precisam de sol para fazer fotossíntese, essas flores já foram cortadas. Ou seja, não precisam de sol e nem gostam. Mantenha em local fresco para aumentar sua durabilidade.